ads

Slider[Style1]




clica e ouve as entrevistas e emissões já realizadas na tua rádio 

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5


No próximo dia 19 de Maio, o programa AO ENCONTRO DA POESIA, vai receber em estúdio o poeta Adérito Gouveia que nasceu a 20 de Março de 1940 em Carviçais. Quando forem 22h iremos ter a rubrica, da nossa poetisa residente, "Um Momento de Poesia Com Fátima Horta" e por volta das 22h30 iremos ter o poeta Gaspar Oliveira que vai informar-nos das novidades de livros e eventos de poesia. Tudo isto e muito mais a partir das 21h00.

 BIOGRAFIA 

ADÉRITO DE JESUS GOUVEIA, nascido a 20 de Março de 1940, na freguesia de Carviçais, concelho de Torre de Moncorvo. Iniciou os estudos musicais aos 14 anos de idade, na Banda Filarmónica , da sua terra natal. Aos 18 anos, assentou praça na Banda de Música do R.I. nº1 Amadora, onde atingiu o posto de Furriel músico no instrumento OBOÉ.

Colocado no ano de 1965, na Banda de Música do B.C. nº 5 - Campolide (Lisboa), tendo atingido nesta Unidade o posto de 1º Sargento músico, onde foi solista no instrumento OBOÉ. Fez parte como Oboísta durante diversos anos, na Orquestra Ligeira do Exército (Alerta Está). Dado a banda de Música do BC5, ter sido extinta em 1975, mudou de especialidade, passando ao SG Exército, e colocado no DRM SETÚBAL, .

No ano letivo 1980/81, nomeado para o Curso de Sargentos Chefe e Sargento Mor, na Academia Militar da Amadora, terminando o Curso com a classificação de BOM. Em Agosto de 1981, promovido a Sargento Ajudante, em Abril de 1992 foi promovido a Sargento Chefe. Em Outubro de 1993, foi colocado na IGFAR/Ministério da Defesa Nacional, onde em 1996 foi promovido ao posto de Sargento Mor. Desempenhou as Funções de Chefe de Secção Financeira, até Março de 2000, data em que passou à situação de Reserva. Foi Louvado e Condecorado com a Medalha de Serviços Distintos, pelo Ministro da Defesa Nacional.

Gosta de escrever poesia e participou na Antologia "Calçada das Letras" em 2014, na Coletânea "Namorar é Preciso - Nº 5" em 2015, na Antologia "Utopia(s)" da Sinapis Editores" em 2015, escreveu e publicou alguns poemas no Jornal de Azeitão e é sócio do Núcleo de poesia de Setúbal.

Partilhe connosco o seu comentário! A sua opinião é importante para nós...

Partilhe com os seus amigos

«
Seguinte
Mensagem mais recente
»
Anterior
Mensagem antiga