ads

Slider[Style1]




clica e disfruta 

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

PAULA FERNANDES AO VIVO EM PORTUGAL!

Uma das artistas brasileiras mais reconhecidas na Europa está de volta a Portugal e com dois concertos que prometem arrasar! Na próxima Quinta feira, dia 6 de Abril de 2017, não podes perder PAULA FERNANDES a partir das 21h30 no Coliseu de Lisboa. A dose repete-se no dia seguinte, a Sul, no Portimão Arena e também às 21h30. 

A artista já vendeu mais de 10 milhões de discos e DVDs e conta com mais de 4 milhões de seguidores no twitter, mais de 2 milhões no instagram e mais de 14 milhões no facebook. É a artista que esteve mais tempo no top de vendas (152 semanas), fruto de um apurado trabalho de crescimento gradual que inclui duetos com Anselmo Ralph e Mickael Carreira, a somar a outros que fez com megaestrelas da "pop" internacional como Taylor Swift ou Shania Twain.

Para estes concertos em Lisboa, Paula Fernandes traz na bagagem o novo álbum e DVD "Amanhecer Ao Vivo", lançados em Setembro no Brasil, e o "Grammy" arrecadado no passado mês de Novembro em Las Vegas, na 17ª edição dos "Latin Grammys".

Não perca tempo e garanta já a sua presença a sua presença no concerto do Coliseu de Lisboa, clicando aqui ou do Portimão Arena, clicando aqui.

Não falte!

FADISTA FERNANDO JORGE NA RQC!

Às Segundas já nem precisamos de dizer o que é que há a partir das 21H, mas no próximo dia 27 de Março de 2017 vai ser mais uma emissão muito especial com o fadista FERNANDO JORGE!

"Fado Origem" é o titulo do mais recente trabalho deste fadista que já leva uns bons anos disto e, dizem os especialistas, este é um daqueles álbum que respira e transpira Fado a todos os segundos. Para o ouvir na integra, bem como a história do fadista que lhe dá voz, a partir das 21H como habitual.

Não perca!

POETA ÂNGELO RODRIGUES NA RQC


Nesta QUINTA-FEIRA o programa AO ENCONTRO À POESIA vai estar à conversa com o poeta ÂNGELO RODRIGUES, vamos ter a rubrica com PAULO AFONSO RAMOS e também a nossa colaboradora FÁTIMA HORTA, tudo isto e muito mais a partir das 21h00 em www.radioqc.com.

 BIOGRAFIA 

Quem é ele? 
A errância pura... a diáspora da contradição...

Nasceu em Torres Novas em 1964. Gosta de deusas atrevidas, da Noite, do Mar, da espécie-Mulher, de boa música, de artes-plásticas e de alguma literatura. É, como alguém já escreveu, um ser intelectualmente irrequieto e insatisfeito que procura despertar as consciências adormecidas pela rotina das ideias feitas, das convenções, dos sistemas. O seu horizonte imediato é a Alma humana. Coloca de novo a velha e primordial questão universal: O que fazemos aqui? - Para onde vamos? - O que nos espera? É Licenciado, profissionalizado e pós-graduado em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa e professor de Filosofia e de Psicologia do Ensino Secundário Regular, Profissinal e Recorrente. É, contudo, um ser anti-académico. Passou também pelo Conservatório de Música e pelo ensino de Educação Musical. 

Tem a carteira de Equiparado a Jornalista e exerceu irregularmente a atividade na Imprensa Regional e na Rádio. (Aplica os seus conhecimentos de jornalismo e afins no projeto CriaPromove - Comunicação, promoção e divulgação de obras e de autores - fundado em janeiro de 2016 com Célia Cadete. Fez parte - em equipa com o escritor Urbano Tavares Rodrigues - da direção (vice-presidente) do "Prémio Litterarius" instituído pelo Racal Clube de Silves - Algarve. Foi o Cônsul para Lisboa do "Movimento Internacional Poetas del Mundo" (com sede no Chile). Foi vice-presidente da Casa do Sardoal em Lisboa. Foi colaborador do Artjornal (jornal online). Foi fundador e vice-presidente da AJEP - Associação de Jovens Escritores de Portugal (de que muito se arrepende).

Foi diretor literário das Edições Orpheu, da Editorial Minerva e da Sinapis Editora (Grupo Alêtheia). É atualmente diretor literário e coordenador de projetos culturais das EDIÇÕES COLIBRI. Tem a seu cargo a edição de vários livros e CD’s (poesia, romance, ensaio, teatro, aforismo, etc.) e coordena, prefacia e apresenta várias antologias e coletâneas de vários géneros literários. Prefaciou e comentou vários autores de língua portuguesa. Fundou e apresenta, de quando em vez, em vários locais de Portugal, a Tertúlia Orpheu, a Tertúlia CriaPromove e outras.

Tem oito livros publicados e uma coleção de postais, respetivamente: Eu, o Ser e a Dúvida (1989); Compra-me Um Deus (1992); Da Ressurreição do Espanto (1998); Um bailado no centro da Alma (2002); O Passeio de Deus (2007); Alquimias - antologia pessoal 1989-2010; Palmadas & Rebuçados (2013), Eternidade & Absurdo (2015) Fragmentos do Tempo Parado (4 postais com poemas seus e fotografias de António Vieira da Silva (1995). É um dos autores das coletâneas Bosque Flutuante - nova poesia portuguesa (1996), 12 autores e da coletânea Incomensurável (2000), 13 autores. Fundou os Jograis Orpheu (extintos desde Junho de 2003) e produziu o CD de poesia Assim Se Diz gravado ao vivo no Padrão dos Descobrimentos, Lisboa, em Junho de 1999.

Participou e participa em várias apresentações de livros, saraus, colóquios, congressos, performances e eventos culturais e afins como apresentador, animador-cultural, autor-declamador, divulgador de poesia e de música tradicional e própria (projecto TEMPO e duo CANTA & DIZ), conferencista e ator/figurante (convidado de quando em vez pela agência Uniquestyle entre outras). No âmbito das artes-plásticas, (pintura, colagem, aguarela, fotografia, guache e desenho) utiliza o heterónimo Miguel d’Hera.

Como radialista, realizou e apresentou (Realização, Produção e locução) entre outros, os seguintes programas de temática variada: Poetas da Noite; As Palavras do Poema e O Espelho das Palavras. Na Rádio Renascença (1988) realizou e apresentou o programa Tempo de Poesia. Na Rádio Voz de Almada (1991), realizou e apresentou o programa Espírito da Manhã (música, reflexões, reportagem e entrevistas).

E num dia efémero de hábitos estúpidos e terrivelmente convergentes (como no caso do trabalho), escreveu Miguel d’Hera no seu diário-não-autorizado: Ângelo Rodrigues é um resistente, eclético, ecuménico, "um criador de absoluta insatisfação"; é também um humanista do desejo e da ousadia, um provocador de impossíveis, um moscardo farpizante de conservadorismos e de estabilidadezinhas; um arauto da diferença; um místico do devir...

CORDÃO HUMANO PELA ESCOLA SECUNDÁRIA!

Na próxima Quinta-feira, dia 30 de Março de 2017, a luta pela construção da Escola Secundária da Quinta do Conde continua e realiza-se o CORDÃO HUMANO que pretende ligar os três agrupamentos de escolas como sinal que todos exigimos ao Governo a construção da tão prometida escola!

Depois de no passado dia 26 de Janeiro, as condições meteorológicas não terem permitido a realização deste cordão humano, esta foi a nova data definida. Ainda assim, nesse mesmo dia foi aprovada uma moção durante a concentração na Escola Michel Giacometti que foi enviada ao Ministério da Educação, Grupos Parlamentares e outras entidades. A realização de um concerto musical pela construção da Escola Secundária e a criação duma página na Internet de referência ao assunto foram outras decisões da reunião do Grupo de Trabalho para o Ensino Secundário na Quinta do Conde de dia 31 de Janeiro.

Foi ainda decidido insistir junto do Ministério da Educação por resposta ao ofício de Agosto de 2016, subscrito pelas autarquias e associações de pais, no qual se solicitava uma audiência ao senhor Ministro da Educação.

Na próxima Quinta-feira, vamos todos juntar-nos nesta luta que deve ser de todos os quinta condenses!

MOSTRA DE SOPAS NA QUINTA DO CONDE!

No próximo Sábado, dia 25 de Março de 2017, acontece mais uma "Mostra de Sopas" na sede do Centro Comunitário da Quinta do Conde.

As sopas são apenas o pretexto para um dia diferente e muito bem passado com bom comida, música e muita animação que arranca por volta das 15H30 e que só termina depois de jantar!

A partir das 15h30 há que aquecer e despertar do tempo mais triste com um magnifico baile a cargo de Luís Rouxinol. Mais tarde, a partir das 19h começa a mostra de sopas, que tem como objectivo das a mostrar os talentos dos cozinheiros e cozinheiras quinta condendes!

O valor de entrada é de apenas 3€ e inclui a entrada no baile, prova de todas as sopas, uma bebida e uma fatia de pão. Mas olhe que durante a mostra ainda haverá mais petiscos para provar...