quarta-feira, 23 de junho de 2021

ARTE AJUDA A ALERTAR PARA AS BEATAS NAS PRAIAS

 

São coloridos, atrativos, amigos do ambiente e dão as boas-vindas a quem entra nas praias de Sesimbra. Chamam-se Comedores de Beatas e prometem deixar os areais e o oceano ainda mais limpos. 

A ideia foi aliar uma iniciativa de sucesso, o "Sesimbra é Peixe e Arte na Rua", que desde 2014 já contou com a participação de dezenas de artistas e decorou centenas de portas, janelas, muros e paredes um pouco por todo o concelho, à sensibilização ambiental, chamando a atenção para uma das maiores fontes de lixo das praias portuguesas – as beatas de cigarro.

Os comedores disponibilizam cinzeiros de praia, que depois de utilizados podem ser despejados num depósito e recolocados no respetivo suporte para serem reutilizados. As beatas recolhidas vão fazer parte de uma exposição educativa no final de setembro. Os Comedores de Beatas estão disponíveis nas praias do Ouro, Califórnia, Moinho de Baixo, Bicas, Lagoa-mar, Lagoa de Albufeira e Amieira até 12 de setembro.

Nesta edição especial participaram sete artistas: Mauro Miguel Carmelino, Mafalda Gonçalves, Ketam, Pitanga, PHNSK, Tiago Hacke e Vasco Maio. Areia Limpa, Os Peixes Não Fumam Porque Querem, 

"Beatas no Chão? Nem Vê-las!" ou "Leve um Cinzeiro" são alguns dos temas das pinturas, que têm como objetivo sensibilizar os utilizadores a deitar as beatas no lixo, em vez de ficarem no areal ou irem parar ao mar, alertando para o perigo que representam para o ambiente.
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Enviar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only