sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

ELÉTRICO 28 É O NOVO ÁLBUM DE ANTÓNIO PINTO BASTO

 

2020 marca os 50 anos de carreira de um dos grandes fadistas da música portuguesa, ANTÓNIO PINTO BASTO. Para assinalar esta data tão marcante na carreira, o fadista lançou mais um álbum cheio de interpretações marcantes, ELÉCTRICO 28.

Com um ano cheio de concertos planeados para assinalar a data e sem a possibilidade de os realizar, o fadista não quis adiar mais o lançamento deste álbum que já andava a ser planeado há 7 anos!

António Pinto Basto nasceu a 6 de Maio de 1952, em Évora, e cedo demonstrou grande gosto pela música em geral e, em particular, pelos cantos tradicionais e pelo fado que, desde a adolescência, começou a cantar em festas particulares.

Em 1970, inicia a sua Carreira artística tendo gravados 3 E.P.s. Após vários anos a armazenar emoções foi um período de amadurecimento, interiorização e prática constantes, durante os quais não deixou de se apresentar em público, quer em Portugal quer nos E.U.A., Brasil, Espanha, França e Angola e sempre com assinalável sucesso.

Em 1988, decidiu, enfim, gravar; sentindo estar pronto para a grande prova,preparou com invulgar profissionalismo o seu 1º L.P.“Rosa Branca”, que a Poly Gram editaria no final do ano. O êxito foi imediato e fulgurante, coroado por uma “tournée” de mais de 120 concertos em 1989, no final do qual seria editado o duplo L.P. “Maria”. O sucesso de críticas e de vendas repetir-se-ia.

Em 1991 é editado o seu 3ºL.P. intitulado “Confidências à guitarra”. No final de 1993 a sua editora lança o CD “Os grandes sucessos de António Pinto Basto”, compilação das anteriores três edições.
No início de 1996 é lançado o CD “Desdeoberço”. Em 2002 e 2003, grava dois CD, respectivamente “Rendas Pretas” e “Letras do Fado Vulgar”, dois trabalhos que se afastam um pouco da sua linha mais tradicional mas que não deixam de manter as raízes no fado.

Em Dezembro de 2007, mais um CD, “Bodas de Coral” que marca o seu retorno à linha de Fado tradicional e que, como o nome indica, comemora 35 anos do seu “casamento” com o Fado.

Em 2010, lança o CD “Prata da Casa” em que faz uma compilação de todos os temas com assinatura Pinto Basto.

Em 2020, 10 anos depois deste último álbum, o "Eléctrico 28" é recomendação obrigatória para quem gosta de Fado.

Comentário(s)
0 Comentário(s)

Publicar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only