ads

Slider[Style1]




clica e sabe mais 

Style2




clica e ouve as entrevistas e emissões já realizadas na tua rádio 

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Teatro do Vestido e Artemrede apresentam Labor#2
5 e 6 de junho | 21H30 | Sesimbra

«O trabalho “edifica”, “liberta”, “confere dignidade”, “identidade” – dizem-nos, e desde cedo começámos a pensar no que “queríamos ser”, ou “aquilo em que queríamos trabalhar”.

A sociedade moderna, como a conhecemos, organizou-se e organiza-se em função do trabalho. Mas mudanças subtis tomaram conta da realidade desta sociedade moderna na qual crescemos, e têm vindo a operar uma transformação no lugar central que o trabalho ocupava até agora.

O desemprego galopante – e por vezes escondido por estatísticas enganadoras que contabilizam trabalho precário e estágios profissionais como se de emprego real se tratasse – o esvaziamento dos sindicatos, as questões da contratação coletiva, os polémicos acordos da concertação social, as sucessivas greves – tudo isto nos levou a sair da sala de ensaio para as ruas de algumas cidades a ver o que resta, então, do trabalho – e que lugar é que este ocupa ainda hoje na nossa sociedade».

Nesta continuação do projeto sobre a história, função e contradições do trabalho, a encenadora Joana Craveiro decidiu ir para a rua e recolher testemunhos e histórias de vida para criar a segunda parte da sua reflexão sobre a temática laboral. A investigação centrou-se nas realidades laborais particulares dos concelhos do Barreiro, Moita, Sesimbra, Oeiras, Abrantes e Santarém.

Este mês, esta co-produção do Teatro do Vestido e da Artemrede percorre as ruas da vila de Sesimbra. Não perca.

Partilhe connosco o seu comentário! A sua opinião é importante para nós...

Partilhe com os seus amigos

«
Seguinte
Mensagem mais recente
»
Anterior
Mensagem antiga